Análise SEO: Como fazer, dicas e ferramentas

Análise SEO: Como fazer, dicas e ferramentas

A análise SEO permite às pessoas avaliarem a performance de um conteúdo em termos de “encontrabilidade”.

Para que um site seja encontrado em mecanismos de busca como o Google, não basta ter um bom conteúdo, é preciso ter domínio de algumas técnicas e o SEO (Search Engine Optimization) desempenha um papel fundamental nisso.

Para ter uma boa posição nas buscas, é importante fazer com que o seu conteúdo passe por uma boa análise SEO.

Desse modo, você pode ajustar o que for necessário e melhorar o ranqueamento de seus textos.

Abaixo trouxemos algumas dicas importantes para você analisar o SEO do seu site de forma descomplicada. Acompanhe:

Por que a análise SEO é importante?

Os insights que você obtém a partir de uma análise de SEO irão te dar orientação sobre onde você pode melhorar o conteúdo e os aspectos técnicos do seu site para fornecer uma experiência melhor aos visitantes.

Para simplificar, uma análise de SEO é essencial para que você tenha uma classificação mais elevada, expanda seu alcance, direcione o tráfego e alcance seus objetivos de negócios.

Com uma análise eficiente, você deixa de atirar no escuro e pode tomar decisões estratégicas, o que reduz o tempo e os recursos gastos.

Sem uma análise de SEO do seu site, é praticamente impossível tomar decisões informadas para melhorar a classificação do seu site nas SERPs.

Como analisar SEO

Antes de mais nada, como explicamos neste artigo, existe SEO on page e SEO off page.

O SEO on page nada mais é do que o processo de otimização de uma página da Web para obter uma classificação mais elevada no Google, a fim de obter mais tráfego.

Já SEO off page são as estratégias que estão fora da página.

Desse modo, para obter uma boa análise do seu site, é importante considerar as etapas a seguir:

Verifique o SEO on page

Uma boa forma de começar a avaliar o SEO on page, é buscando conteúdos duplicados.

Isso prejudica a performance do seu site, pois o Google entende que pode haver o que chamamos de “canibalismo de palavra-chave”, o que prejudica a experiência do leitor e tira a autoridade do seu site.

Uma dica para fazer isso é utilizar ferramentas como o Copyscape.

Em seguida, você deve se atentar a outros fatores, como:

  • Uso de meta descrição adequada, convidativa e utilizando a palavra-chave em foco;
  • URL amigável;
  • Estruturação adequada e coerente de títulos e subtítulos (H1, H2, H3…);
  • Uso de Atributo alt text nas imagens;
  • Uso de mídias alternativas (de qualidade) no conteúdo, como imagens e vídeos;
  • Conteúdo de qualidade, elaborado para sanar a dor do seu leitor, e não apenas um conteúdo técnico para fins de ranqueamento.

Rastreie a sua página

Esse processo consiste em avaliar a parte mais técnica do seu site, com eventuais links quebrados, conteúdo duplicado, imagens com baixa resolução (outro fator que prejudica fortemente o seu ranqueamento), problemas com headlines, dentre outros fatores.

Mas não se desespere: não é preciso ser um programador para isso.

Ferramentas como o SemRush, Google Search Console, AHrefs, SEO Spider Tool o ajudarão nessa tarefa!

Veja também: Redação SEO: Técnica que melhora o ranqueamento do seu site 

Verifique a velocidade do seu site

Quanto mais tempo uma página demorar para carregar, mais chances o leitor terá de abandoná-la antes mesmo de terminar de carregar.

Isso influencia diretamente no SEO da página, de modo que quanto mais demorar, mais o Google “penaliza” o site em termos de ranqueamento.

A ferramenta PageSpped Insights do Google é uma forma de avaliar a velocidade do site.

Linkagens internas e externas

Avaliar o uso de links internos e externos é uma prática que faz com que o Google entenda se tratar de conteúdo relevante e rico.

No entanto, hoje em dia, o Google também avalia a qualidade dos links.

Ou seja: não basta que outros sites utilizem links que direcionam à sua página, é importante que esses sites sejam relevantes, desse modo, seria como se eles estivessem transferindo autoridade deles ao seu site.

Avalie o Google Analytics

Por fim, você também pode – e deve! – avaliar os resultados que o Google Analytics oferece.

Essa ferramenta disponibiliza uma série de registros importantes que permitem ao dono da página identificar, por exemplo, quais páginas têm mais rejeição, quais têm mais acesso, quais recebem mais acesso por busca orgânica, dentre outras análises.

Seguindo essas dicas, certamente você conseguirá fazer uma boa análise SEO do seu site e poderá aprimorar os pontos que precisam de ajustes para ter um bom desempenho nas buscas!

Conheça a Biz Ideias

Biz Ideias atua como agência de marketing digital especializada em SEO em Belo Horizonte. Oferecemos gerenciamento de links patrocinados, desenvolvimento de sites, gestão de blog, gestão de redes sociais, identidade visual e todo auxílio no que diz respeito às estratégias de Marketing Digital.

Entre em contato com a equipe da Biz através do WhatsApp.